As touradas causam-me náuseas


A sério. Acredito que muitas pessoas adorem e aplaudam, mas também acredito que essas pessoas sejam mais ou menos o equivalente às que, em tempos muito idos, aplaudiam lutas de gladiadores e a morte de pessoas inocentes.
A fazer zapping calhou passar numa tourada e por pouco que não vomitei. Literalmente. Qual é a necessidade macabra destas pessoas em verem um animal a sangrar, perdido, com a língua descaída de exaustão, a tentar defender-se de pessoas que o atacam e espicaçam? A sério, alguém que me explique, muito bem explicadinho. Que crueldade. Nem os animais fariam isso a eles próprios e são animais. Então o que pensar de pessoas que o fazem? Para mim, estão abaixo dos animais. Deviam entreter-se umas com as outras. Um homem a fazer de touro, outros quantos a toureá-lo. Um homem a ser picado nas costas e a sangrar, outros tantos a fazer bailados com collants e a tentar enfurecê-lo.
Melhor ainda: uma multidão a assistir a isso tudo.

Sim, fiquei irritada e vim para aqui expressar a minha raiva. Já passou... :)

23 comentários:

W a l k e r * disse...

Abomino completamente as touradas, ainda há muitas mentalidades que têm de ser mudadas.

Se eu pudesse... disse...

Concordo inteiramente contigo!!

Heriwen disse...

Tambám não entendo essa barbaridade. Como é possível algo assim tão degradante permanecer até aos dias de hoje.

Ana disse...

Onde é que se pode subscrever o teu artigo?
Completamente contra, é uma crueldade bárbara e só revela o primitivismo de certas mentalidades. E não me venham dizer que é uma questão de tradição cultural porque essa não pega...de todo.
Grrrr.

Madalena Soares disse...

Concordo a 100%. Coisa nojenta e primitiva. 'Bora aí sacrificar virgens e queimar bruxas, tb. Pfff.

Heartless disse...

Não acrescentava nem uma palavra, totalmente de acordo!

A Tulipa Azul disse...

concordo! também não gosto nada de ver:)
http://atulipaazul.blogspot.com/

RAINHA MÃE disse...

eu também não gostava, e continuo a achar abominavel o que fazem aos touros mas devo confessar que adoro os cavalos e as pegas. O meu avô era aficcionado e eu nunca gostei. Agora o meu filho do meio gosta de ver e eu também aprendi a gostar. Vim hoje aqui pela primeira vez e gosto... Acho que vou voltar. Bjs

A. disse...

Engraçado que ontem aconteceu-me o mesmo e parei ao ver uma senhora loira toda poderosa do alto do seu cavalo a espetar uma bandarilha(acho que é assim que se chama...) no pobre animal e o meu comentário foi: "deviam-te fazer o mesmo a ti..." de seguida mudei pois não suporto touradas!
Ana C.

Guinhas disse...

É exactamente por essas razões que eu não consigo ter pena, quando o touro colhe um forcado.Porque, nesse caso, é das pouquissimas alturas em que o "jogo" é justo!Acho de uma mentalidade retrogada...dizem q é tradição, então vamos manter tradição: matar as bruxas queimadas, e tantas outras coisas bizarras que a nossa História relata!

Lisbo@ disse...

Concordo plenamente! Queria ver aqueles palermas que se exibem em cima dos cavalos a ser picados e tratados daquela maneira!

Pintas disse...

Concordo completamente contigo. E pior é ter a RTP a patrocinar essa grande porcaria. Sinto-me roubada e abusada.

Susana Céu disse...

Já somos duas! É bárbaro e totalmente desnecessário. A RTP nem se dá conta dos telespectadores que perde com isto!

ST disse...

Mas qual é a razão por as pessoas que são anti-touradas (ou lá como se apelidam) de insultarem quem é a favor? Alguma vez ouviram algum aficionado a insultar-vos? Penso que não, e as unicas palavras que ouviram foram as de que se não são de acordo que fiquem com a vossa opinião e nos com a nossa!
Voces como anti-touradas são pessoas que não compreendem os gostos dos outros... Desde já vos pergunto, o animal é vosso? Voces pagam para ir ver uma tourada? Só têm um canal de televisao que por acaso transmite esta arte? A todas estas perguntas respondo por voces -NAO!- e como aficionada que sou digo do fundo do meu coração que até ao final da minha vida irei ver a arte da aficion!

Carla disse...

Eu sou completamente contra as touradas e nunca na minha vida tinha lido algo que se aproximasse tanto do que eu penso!!! Adorei parabéns!!!! precisamos de pessoas assim no mundo, com esta maneira de pensar! Sou a favor da liberdade de gostos, mas o gosto pelas toradas é como ter gosto por tudo o que é mau! é uma coisa ruim e feia! E essa arte que vocês cham aficion um dia vai ser proibida!!!

Raquel disse...

Mas realmente a senhora ST acha que é uma questão de gosto? O facto de magoar um ser vivo de forma gratuita e totalmente deliberada é uma questão de gostar ou não? Não é uma questão de compreender ''os gostos dos outros'' é uma barbárie e ponto final! Se fosse a senhora no meio da arena e eu gostasse de a ver a ser magoada já era compreensível o meu dito ''gosto''?
Outra parte muito coerente do seu discurso é as perguntas que faz, 'what's the point? totalmente irrelevante.

PS: Custa-me muito a crer que tenha um orgão denominado ''coração''

Agora sim, a senhora aficcionada fica com a seu ''gosto'' e eu com a minha opinião!

Juanna disse...

Estimada ST, eu também tenho uma fixação. Venho do Sudão e lá é costume e tradição cortar o clitóris às mulheres. Não me vai insultar se eu lhe cortar o seu clitóris, pois não? Afinal de contas, eu não lhe pedi opinião, eu sei que a vou magoar, eu sei que você não vai gostar, mas... é tradição :)

Ana disse...

É coisa que não vejo e odeio. sou ribatejana e tenho vergonha de o ser quando se fala em tourada e tradição. há tradições que só serem para ser esquecidas...
beijinhos

ST disse...

Em resposta aos comentarios acima:
Claro claro, é tao cliché o argumento de "Se fosse a senhora no meio da arena e eu gostasse de a ver a ser magoada já era compreensível o meu dito ''gosto''? ", mas vamos lá ver, não sou eu nem nenhum outro Humano que vai correr na praça, pois não? É um boi.. Vocês também não comem animais? Ah, parece-me que sim. E por acaso sabem que alguns dos bois que são corridos são mortos e vão para venda, o que significa que consequentemente os vão comer! E isto já não acham barbaridade?!
Se são tão respeitadores dos direitos dos animais, não se esqueçam que tambem os comem... oh pois é!

Vou ser uma sereia . . . disse...

Se há coisa que me mete nojo é ler e ouvir comentários como esse aí de cima da ST !!! Para já, o boi é sim um animal, parabéns, por teres ido às aulas de ciências naturais, se prestaste bem atenção também devias saber que o dito animal não vai para ali de livre vontade, ao contrário dos humanos que têm vontade própria e pensam (ou pelo menos deveriam pensar)! Mais, se continuaste a ir a essas aulas, também deverias saber que os humanos são seres omnívoros, significando então que comem de tudo !!! Resumindo, uma coisa é a sobrevivência, outra é a matança por diversão !!! Vai para lá mas é tu ou uma pessoa de quem gostes para ver se continua a ser 'bonito' ! Arranjem mas é que fazer !!! Em vez de andarem a encher o cú aqueles gajos que mais parecem um larilas !! Ahh, só te falta acrescentar que ninguém deveria andar de carro porque assim matamos bichos contra o vidro ;) Para ser bárbara como tu, concluo apenas com isto: pessoas com esse pensamento nem deveriam ter nascido, pois andam aqui a respirar o ar dos outros sem o merecerem! Pois se nem um animal sabem respeitar, como é ainda alguém se admira que não respeitem e não maltratem as pessoas ! Enquanto não se amar a respeitar um animal, a alma não existe !

ST disse...

Estou realmente desiludida com muitas das pessoas que aqui postaram o seu comentario (e isto ainda mesmo de as conhecer).
Antes de mais nada, nao admito que me insultem porque eu nao o fiz e nem o irei fazer independentemente de terem ou nao a mesma opiniao que eu! Um pouco mais de educação, eu agradecia!

Moleskine disse...

subscrevo, completamente!
Bjs

Carlota Siéva disse...

Concordo plenamente! Os amantes de touradas podem dizer o que quiserem, mas magoar um animal pelo simples prazer de o fazer e juntar pessoas em volta para o festejar, é absolutamente antiquado e desprovido de nexo.
Vá lá que se faça justiça de vez em quando, quando os bravos dos indivíduos que se acham tão valentes levam cornadas e são arrastados arena fora. Um ritual completamente fechado e ignorante.