Originalidade, precisa-se


E aquelas pessoas que só conseguem viver graças a imitarem os outros? Só conseguem ter alguma personalidade graças a imitarem dia sim, dia sim, as outras pessoas? Ser-lhes-á assim tão difícil pegarem em si mesmas e descobrirem-se? Descobrirem os verdadeiros gostos, os seus próprios pensamentos? Eu sempre admirei pessoas originais. Sempre. Algumas podem parecer tremendamente estranhas, mas enfim, são originais! E gosto. Juro que gosto. Gosto de pessoas diferentes. Que não precisam de se alimentar de vidas alheias. Se lhes apetece dizer que foram ao cinema, detestaram o filme e sairam a meio, digam. Não vão é imitar alguém que disse que adorou o filme e já o foi ver cinco vezes, só porque sim, porque apetece imitar. Digam que detestaram o filme. Que nós dizemos que adorámos. E cada um fica no seu lado. E é assim que as coisas funcionam melhor. Chama-se individualidade. Chama-se diferença. Chama-se Humanidade.

6 comentários:

A Familia Alien 2 disse...

ninguem gosta de pessoas diferentes se n forem tb diferentes, e os diferentes são mtos poucos :d

ADC ANHA - JUNIORES disse...

http://analfabetismosmentais.blogspot.com/

Desnorteada disse...

Sabes, já venho aqui há muito tempo, mas nunca tinha deixado um testemunho. Nem imaginas como me revi nas tuas palavras. Eu também aprecio muito a originalidade... ;)

'inha disse...

tens toda a razao!
cópiar os sonhos, os gostos, expressoes, risos, e sabe-se la mais o quê, é estar a viver a vida dos outros, em vez de criar o seu proprio mundo!

bjinho

Olívia Palito disse...

Na minha opinião, as pessoas que imitam sucessivamente os outros, não têm uma pequena coisa que faz toda a diferença: personalidade própria.
Também gosto de pessoas originais. :)

Miss B-Beautiful disse...

Chama-se personalidade!