E como amanhã é sexta


As sextas são sempre uma espécie de fim de um ciclo. O fim de uma semana. E o que é que cabe dentro de uma semana? Tantas coisas. Tantos acontecimentos. Tantas palavras. Tantas pessoas. Não raramente, chegamos na nossa vida às sextas com alguma surpresa e satisfação. Surpresa porque resistimos a mais uma semana (life goes on, as it should be) e satisfação porque temos um fim-de-semana pela frente, que, enfim, pode saber a pouco, mas mantém-nos minimamente equilibrados. Os fins-de-semana servem para quê, afinal de contas? Em termos teóricos, servem para que as pessoas possam gozar de algum tempo livre para fazerem o que muito bem lhes apetece fazer, sem horários nem coisas estipuladas. Acontece que ocasionalmente, os fins-de-semana têm muito disso. Horários, coisas estipuladas. Ou, ao contrário, têm muita monotonia, o que até sabe bem de vez em quando. Mas depois recomeça uma nova semana e as responsabilidades estão de volta. Por isso sempre achei que os fins-de-semana deviam ser bem aproveitados. E isto é subjectivo, porque cada pessoa saberá melhor do que ninguém o que é que é para si aproveitar um fim-de-semana ao máximo. Se ir para a praia ler um bom livro e ouvir o mar é do que se precisa, pois que se faça isso (eu então sou fã disso). Não é a toa que os ingleses às sextas metem o caderno "semana" na gaveta e aproveitam o fim-de-semana (que obviamente começa logo na sexta-feira à noite). Os pubs enchem-se de pessoas. As ruas igualmente. E por cima dos automóveis, dos autocarros de dois andares, dos ciclistas mais do que muitos, das conversas, dos gritos dos vendedores de jornais, ouvem-se sobretudo as gargalhadas. Só é preciso ser sexta-feira.

3 comentários:

Bailarina disse...

Eu por norma meto o caderno da semana bem escondidinho na gaveta e vou mas é aproveitar... 8)

Miss Daisy disse...

Bailarina, e é mesmo o melhor a fazer :)

B. Cérise disse...

Eu já tive vários dias preferidos. Já foi a 6ª, a 2ª e acho que agora é o domingo. É o único que dia que não trabalho e que posso fazer o que me apetece.
A 6ª só é chata porque começo a trabalhar no sábado às 9, ou às vezes às 8:(
bjs*