Chegamos a um ponto na nossa vida

Em que tudo o que desejamos, tudo o que desesperadamente precisamos, queremos, é paz. De repente tudo o resto torna-se supérfluo. Precisamos só de pouco barulho, poucas pessoas. Sítios vazios. Dias calmos. Só precisamos disso. De coisas simples. Podemos levar dentro do coração milhares de mágoas, ou sentirmo-nos mais tristes do que nunca. Mas o grande mistério da vida acontece quando estamos tão desgastados, que cada momento de paz faz-nos sentir a pessoa mais feliz do mundo. O céu parece-nos sempre mais claro, a vida parece-nos sempre mais leve.

9 comentários:

molly disse...

e quando a conseguimos (a tal paz) voltamos a desejar a excitação :)**

C disse...

eu compreendo muito bem este texto. Ando na fase em que só quero tranquilidade.

Moranguita* disse...

Compreendo tudo o que disseste aqui... e estou numa fase igual!

Morcegos no Sótão disse...

Descobri há alguns anos que o que busco é serenidade. Não felicidade, não dinheiro. Serenidade. Para que tudo o resto chegue naturalmente.

MJNuts

Sara disse...

Bem adorei este post...sem duvida "PAZ" uma coisa tão simples mas por vezes tão dificil de conseguir...por vezes basta-nos um pouco de paz para podermos enfrentar um novo desafio, encarar um problema, ou até mesmo tomar uma decisão..."PAZ" é o que eu peço este Natal...gosto muito muito mesmo do seu blog...kisskiss

Sara disse...

Bem adorei este post...sem duvida "PAZ" uma coisa tão simples mas por vezes tão dificil de conseguir...por vezes basta-nos um pouco de paz para podermos enfrentar um novo desafio, encarar um problema, ou até mesmo tomar uma decisão..."PAZ" é o que eu peço este Natal...gosto muito muito mesmo do seu blog...kisskiss

PiPo Kaeru disse...

Porque a vida às vezes passa-nos à frente dos olhos, tal não é a celeridade com que temos de a viver,que são nesses momentos de paz onde encontramos o equilíbrio daquilo que realmente somos.

Houvessem mais momentos "só nossos" =)

Marta disse...

Adorei, tens toda a razão! Há dias assim, momentos em que só queremos estar no nosso mundo e que nos deixem estar, em paz!

Agri Doce disse...

Realmente nós parece que estamos sempre em busca de algo. Eu passo por essa fase em curtos espaços de tempo, é como se fosse ciclico. É uma necessidade de reforma!