Escreve-se um post sobre alguém


Em que dizemos que não desejamos mal ao rapaz, aliás, desejavamos bem, que ele tivesse recuperado obviamente, mas defende-se um ponto de vista de que realmente foi um azar (não uma coisa intencional, atentem)  mas que não vivemos todos numa Anarquia e não podemos só fazer o que nos apetece sem pensar na restante sociedade e vem logo alguém (todas as pessoas que comentaram normalmente à parte) dizer que pois que a vida me venha ensinar a não pensar assim e que podia ter sido o meu irmão ou o meu pai.

Pois fique sabendo, cara comentadora que me acha sem coração mas que me deseja o mesmo, que o destino já me ensinou há uns dois anos, portanto não se apoquente. Estive em coma três dias, devido a um acidente (não de automóvel). A ignorância realmente é uma coisa tão gira.

Obrigada e volte sempre :)

O sorriso é porque ando de bom humor

5 comentários:

Pintas disse...

Não ligues a gente parva que não vale a pena.

Ana disse...

Cada um tem direito à sua opinião e essa cosa de vir para os blogues insultara os ouros é uma praga.
Como já disse a muita gente penso que ele é completamente culpado. Mas Há uns anos atrás o meu melhor amigo também foi culpado do acidente que lhe tirou a ida aos 22 anos. E morreu o rapaz que ía com ele.
Nestas situações as saudades e a tristeza são inevitáveis. E ler em muitos sitios que gente assim deve mesmo morrer uma grande tristeza...
beijinhos

Se eu pudesse... disse...

Sou totalmente da tua opinião!

True smile disse...

aconteceu-me exactamente o mesmo quando partilhei o teu texto. existem muitos possíveis culpados além dele, desde quem emprestou, quem fez o carro, mas isso pouco importa agora. ele partiu e não há nada que se possa fazer. já hoje vi quem culpasse os médicos também... já hoje vi quem dissesse que ele não fez nada de mal... existe o direito à opinião, mas é necessário respeitar os outros e mesmo respeitar o rapaz. não tenho pena dele, nem vou ter pena de ninguém. regras quebram-se, ou não, vidas perdem-se... mas o mundo não pára.

dee disse...

:/ Às vezes parece que estou a ler posts que podiam ter sido escritos por mim. Acho-me muito séria e apesar de ter pena das pessoas que morreram no acidente não consigo deixar de pensar que atitudes correctas ou falta delas podiam ter-lhes salvo a vida...enfim