Só eles!


Vi o filme hoje. Embora tenha algumas cenas demasiado dispersas e com uma ligação nem sempre bem conseguida, aborda assuntos interessantes e é muitíssimo agradável de ver. Retrata o amor paternal (visto o filme centrar-se na vida de um pai com ambos os filhos), a morte, a espiritualidade, as relações humanas e, acima de tudo, faz-nos repensar na vida. O filme acaba também por ser uma chamada de atenção aos pais, para o facto de nem sempre conseguirem compreender que algumas atitudes dos filhos são simbolicamente gritos de desespero por afecto e atenção.

3 comentários:

Dré disse...

Vou ver :) Obrigado,
bjns

Andy disse...

Eu vi e chorei uma ou duas vezes e o filme é lindo lindo xD

beijooo***

Sofia disse...

Adorei o filme